Você conhece as Regras de Utilização do WhatsApp em Farmácias ?

whatsapp-politica
Em 2019 o uso do aplicativo por parte do setor foi proibido. O Facebook confirmou que as Farmácias poderiam voltar a fazer uso do WhatsApp recentemente para uma nova finalidade
 

As versões  Business garantem um tom profissional às interações, incluindo recursos específicos como:

  • Catálogo de produtos;
  • Conta comercial com dados da empresa e localização;
  • Mensagens de ausência e de saudação;
  • Etiquetas de organização; 
  • Estatísticas; 

A política de uso do WhatsApp precisa ser consideradas e, a falta disso levou centenas de empresas do segmento terem suas contas bloqueadas em 2019.

Hoje a utilização para o segmento está liberada com algumas restrições:

Antes de criar qualquer estratégia utilizando o canal é fundamental estar atento a todas as regras, a violação de qualquer uma delas implica no cancelamento do número da sua empresa. 

As principais regras que o setor farma precisa considerar:

É proibida a comercialização de drogas através do canal, sejam elas ilícitas ou sujeitas a prescrição médica. Apesar da Anvisa liberar essa prática por canal digital atualmente.

É proibida a comercialização de qualquer item farmacêutico através do aplicativo, bem como divulgar informações sobre eles.

O desrespeito as regras pode levar ao mapeamento e banimento do número pelo Facebook. (WhatsApp)

A liberação com restrições não significa que a política tenha mudado. Segue proibida a comercialização de qualquer produto de uso medicinal. Porém, as farmácias estão tendo um importante papel no programa de vacinação contra o coronavírus. Muitas dispõe de serviços médicos com a prestação de consultas, testes e vacinação, auxiliando os postos e hospitais neste momento tão delicado que o país se encontra.

Por isso, o Facebook resolveu liberar o uso do WhatsApp Business e Business API para auxiliar a comunidade a agendar consultas e vacinas, bem como a conseguirem mais informações relacionadas a Covid-19.

O que é permitido:
  • Mensagens com atualizações sobre a elegibilidade de uma pessoa para receber a vacina;
  • Agendamento de consultas para teste e administração da vacina;
  • Responder a dúvidas que as pessoas têm sobre testes e vacinas;
  • Acompanhamento das listas de pessoas elegíveis para vacinação;

O aplicativo também possibilitou a utilização por Fabricantes farmacêuticos, fabricantes de dispositivos médicos e clínicas de aprimoramento e modificação corporal.

Essas empresas podem, então, utilizar o WhatsApp para os seguintes fins:

Para a comunicação com médicos:
  • Consulta de medicamentos.
  • Solicitação de representantes.
  • Pedidos de amostra grátis de produtos.
  • Envio de convites para eventos e conteúdos científicos.
Para a comunicação com consumidores:
  • Consulta de bula.
  • Solicitação de dosagem de medicamentos.
  • Participação nos programas de medicamentos e laboratórios.
  • Responder dúvidas sobre medicamentos e reações adversas.

Fontes: Facebook WhatsApp

Post Anterior
Próximo Post
×

 

Olá !

Click para conversar pelo WhatsApp.
Escolha um atendente disponível.
Fale com o especialista.

 

× Como podemos te ajudar?